fbpx

QUAL O MELHOR MOMENTO DA VIDA PARA SE ESTAR SEGURO?

QUAL O MELHOR MOMENTO DA VIDA PARA SE ESTAR SEGURO?

Números mostram que, cada vez mais, os jovens estão antenados em temas relacionados ao mercado financeiro e preocupados com o futuro. Segundo o Tesouro Direto (Programa do Tesouro Nacional para venda de títulos públicos federais para pessoas físicas), nos últimos 5 anos, houve um crescimento de quase 50% nas aplicações feitas por jovens com até 25 anos de idade.

Em contrapartida, muitos desses jovens que já tem conhecimento sobre investimento, desconhecem a importância do seguro de vida, que é um dos 3 pilares para um planejamento pessoal de sucesso, juntamente com o seguro saúde e a reserva financeira.

Mas, afinal, qual o melhor momento para se contratar um seguro de vida personalizado?

O seguro é um importante instrumento para quem está na fase de construção de patrimônio, e são justamente os jovens que, na maioria dos casos, encontram as melhores condições de contratação. Isso porque a seguradora avalia um possível cliente por meio da análise de risco, considerando dois importantes fatores para o estabelecimento do prêmio a ser pago na apólice, que são: a expectativa de vida e as condições de saúde.

Importante ressaltar que, além das vantagens referentes à idade, significativas mudanças no setor securitário tornaram este produto ainda mais atraente. Até alguns anos atrás, os seguros sofriam reajustes anuais para acompanhar a exposição de risco, diretamente relacionada ao envelhecimento. Hoje em dia, isso não é mais a única realidade, pois existem no mercado seguradoras que não praticam este aumento de valores, atuando com o prêmio nivelado, “congelando” o risco dos segurados por toda vigência do seguro, desconsiderando o avanço da idade. A Prudential, além de ser uma delas, é considerada a maior segurada independente no segmento de pessoas no Brasil, tendo 145 anos de história consolidada, atuando em mais de 40 países.

Partindo-se da ideia de que o seguro de vida é um compromisso de longo prazo, e que naturalmente os jovens tem melhores condições de saúde, podendo adquirir seguros com parcelas menores, contratar uma proteção aos 20 anos pode ser muito mais lucrativo do que aos 40.

Na juventude os sonhos começam a ser estruturados e, para realizar estes sonhos, um bom planejamento individual e personalizado, elaborado por especialistas, se faz necessário. Ele garantirá que tudo aconteça conforme planejado, mesmo diante de imprevistos como uma doença grave, internação hospitalar ou invalidez. Quanto mais jovem se contratar um seguro de vida, menor será o custo de manutenção da apólice. Por exemplo, um seguro opcional contra doenças graves aos 30 anos pode custar quase dez vezes menos do que se contratado aos 50 anos.

Existem diversas modalidades seguro, e quem tem ganhado cada vez mais espaço neste cenário é o seguro de vida resgatável que permite, após o período de carência, o resgate da reserva formada pela seguradora, proporcional ao período de contribuição.

Enfim, a escolha do tipo de seguro levará em consideração seu projeto de vida e, quanto mais cedo for sua aquisição, maior será o sucesso para o alcance dos seus objetivos.